terça-feira, julho 07, 2009

Jogar junto!

Extraído da minha revista preferida: Sorria!

É quase impossível ficar indiferente diante de uma equipe em ação. A fila de formiguinhas que carregam folhas até o formigueiro, por exemplo. Que criança não fica fascinada? E o trabalho em grupo da escola, na casa do colega, o jeito mais divertido que existe de estudar. Tem aquele dia em que todo mundo vem te ajudar na mudança e, quando acaba, você olha todos empoeirados e se emociona de ver que tem amigos.

Qualquer ação em equipe é assim, cada um com sua função, mas num mesmo palco, com um mesmo objetivo. E dá trabalho. Tem as brigas, as (duras) concessões, a implicância com as diferenças. A divisão nem sempre igual de forças, as rejeições. Mas, de repente, quando a gente emerge desse emaranhado de interações e se dá conta de que, sim, a tarefa foi completada... Não tem satisfação igual. Ver o resultado da soma de trabalhos, talentos, lampejos é o tipo de coisa que faz a gente acreditar que, bem, conviver é complicado, mas que lindo que é.

Beijos e ótima semana!

2 comentários:

Bia Pontes disse...

Já copiei!
Lindo!

Maísa Picasso disse...

Concordo plenamente!! :)